Internacionalização como oportunidade para as empresas portuguesas

O objetivo da Alive Business Consulting é fazer com que os seus clientes cresçam sem limites. Com a ajuda da tecnologia, ajudamos as empresas a otimizar os seus processos de negócio e a gerir-se melhor.

A equipa da Alive é composta por profissionais com mais de 15 anos de experiência na implementação de sistemas de gestão para empresas MidMarket. Um dos obstáculos que os profissionais da Alive encontram é que as empresas não sabem como dar o salto para a internacionalização.

As oportunidades são muitas, mas por onde começar? Começamos por explicar as oportunidades oferecidas pela internacionalização para as empresas portuguesas, bem como os benefícios de ter a solução ERP certa para gerir o seu negócio de forma integrada.

Principais necessidades no processo de internacionalização

“As empresas com a informação mais acessível podem tomar decisões mais rapidamente e crescem 35% mais rápido”, diz David Ferreira.

Quando a sede (empresa-mãe do grupo) e as subsidiárias não utilizam o mesmo sistema de gestão empresarial, existem legislações diferentes, tantos planos contabilísticos como as filiais que tem o grupo, processos de negócio diferentes e codificações diferentes para os mesmos produtos.

Nesta situação, a Administração Financeira deixa de ter o controlo do grupo empresarial. O que causa uma certa desconfiança nos dados fornecidos por cada subsidiária e, portanto, a impossibilidade de tomar decisões a nível do grupo: “funcionamento isolado de países e departamentos: cada departamento é uma ilha isolada”, conclui David Ferreira.

Esta é a realidade de muitos CFOs. Que solução existe? Implementar uma plataforma tecnológica única para a gestão empresarial, pois permitirá a homogeneização de dados e processos.

Na Alive Business Consulting contamos com a tecnologia Sage X3, uma solução de gestão integrada robusta e preparada para trabalhar com múltiplas legislações, idiomas, moedas e localizações.

Implantação de projetos internacionais

Na Alive Business Consulting realizamos a implementação das soluções em todos os departamentos necessários, coordenando a implementação com cada área envolvida em cada delegação e contando com parceiros locais de confiança.

A nossa metodologia de implementação em Projetos Internacionais é uma garantia de sucesso. “A definição de um Core Model que determina todo o funcionamento raiz da aplicação ERP é imprescindível”, revela David Ferreira.

Vantagens de ter um ERP global

Para David Ferreira, um dos principais benefícios de trabalhar com um ambiente único gera uma cultura global da empresa: “se um usuário de Itália e outro de França falam e trabalham com uma ferramenta comum, como o Sage X3, a cultura da empresa é unificada e reforçada”.

Vale a pena reforçar as vantagens:

  • Controle de acesso centralizado e permissões de usuário.
  • Homogeneização dos processos de gestão (Core Model): todos os países funcionam da mesma forma.
  • Transversalidade do acesso à informação (agregação de informação) tanto a nível individual como de grupo.
  • Repositório único de dados para KPIs e dashboards.
  • Redução de custos em infraestrutura e manutenção de banco de dados para o departamento de TI, uma vez que existe apenas uma plataforma.

Desafios na implementação de um ERP internacional

A equipa de consultoria da Alive Business Consulting detetou os desafios mais comuns que surgem na implementação de um ERP internacional para o qual temos a solução.

Por um lado, encontramos a complexidade de coordenar várias equipas de trabalho internacionais: cliente (matriz e subsidiária), equipa Alive e o parceiro local.

Por sua vez, definir o Modelo Core é fundamental para estabelecer e homogeneizar as bases do ERP para todos os países. E, por outro lado, as barreiras linguísticas, legislativas, culturais e de resistência à mudança.

Por tudo isto, a Alive Business Consulting desenvolveu a sua própria metodologia de implementação em que o papel de cada parte está perfeitamente definido. A empresa garante a conformidade com o Modelo Core e minimiza o GAP. Por seu lado, o Sage X3 garante a quebra de barreiras linguísticas e legislativas, uma vez que é uma solução ERP multi-idioma e multi-legislação.

Estão assim abertas as portas à Internacionalização.

2023-06-01T10:39:24+02:001 Junho 2023|Atualidade, Eventos e Webinars|
Go to Top